O Ensinamento da Tenrikyo

Oyassama

Aquilo que Tsukihi pensa neste momento,
a boca é humana, mas o espírito é Tsukihi.

E.D. XII-67

 

Este Parens, que tem criado os seres humanos,
permanece vivo. Isto é a verdade.

E.D. VIII-37

*Escritura Divina (Ofudessaki) – escrito pessoalmente por Oyassama, que tomou o pincel e registrou as palavras divinas. Compõe-se de 17 partes e tem 1.711 versos.

Quem é a fundadora da Tenrikyo?

Ela se chama Miki Nakayama. Nós a chamamos carinhosamente de Oyassama, ou Nossa Mãe. Em 26 de outubro de 1838, Deus-Parens, criador deste mundo e dos seres humanos, através de Oyassama, tomada como Sacrário de Deus, revelou-nos, pela primeira vez, a verdade da intenção divina em querer salvar toda a humanidade.

De que forma Oyassama transmitiu os ensinamentos?

Durante 50 anos, desde a Revelação Divina até ocultar o corpo físico, Oyassama, como Sacrário de Deus-Parens, não só nos transmitiu a vontade divina, como também nos mostrou pessoalmente a forma de trilhar o caminho para a vida plena de alegria e felicidade. Estimamos essa caminhada como a vida-modelo e reverenciamos Oyassama como o Parens da vida-modelo.

Em 1887, ocultou-se fisicamente. O que exatamente isso quer dizer? Não é o mesmo que falecer?

Em 26 de janeiro de 1887, Oyassama ocultou-se fisicamente para incentivar a maturação espiritual dos filhos. Na Tenrikyo, não dizemos que Oyassama faleceu, mas que apenas ocultou seu corpo físico. Embora não possamos ver a sua imagem, Ela permanece presente na Residência Original e continua a trabalhar tal como em vida pela salvação da humanidade – a verdade conhecida como a Razão da Alma Eternamente Viva. Dessa forma, Oyassama espera ansiosamente pelo regresso de cada filho a Jiba, a terra natal de toda a humanidade.